Mulher toca violino durante cirurgia ao cérebro para remoção de um tumor


Todos nos sabemos que as cirurgias são feitas com os pacientes sedados, sem que eles consigam sentir algo ou saberem o que está acontecendo durante a cirurgia.
Mas, não foi isso que aconteceu a cidadã de origem inglesa, e isso está sendo falado em todo o mundo por ser algo invulgar.
Dagmar Turmer de 53 anos de idade, instrumentista de profissão, foi submetida a uma incrível cirurgia num hospital inglês (King’s College Hospital), em Londres, para que fosse possível a retirada de um tumor cerebral.
A opção feita pelos médicos foi que ela ficasse acordada e para ela tocar violino durante a intervenção cirúrgica.

Para um ser comum é muito estranho, mas tem um motivo sim, aí era para garantir que durante a operação a paciente não perdesse todas as suas funções motoras e cognitivas relacionadas com com o seu talento natural para a musica.
E para todos foi surpreendente o resultado. O tumor de Turner estava alojado no lobo frontal direito, estando muito perto da parte do cérebro que envia as “ordens” para a mão esquerda, e qualquer erro poderia acabar com os movimentos da mão.
Por o tumor estar tão perto dessa zona, a equipa médica passou mais de 2 horas tentando descobrir qual a ligação do cérebro ativa enquanto ela continuava a tocar violino.
Todo esse procedimento de reconhecimento do cérebro foi possível retirar mais de noventa porcento do tumor de Turner, sem que ela perdesse qualquer movimento motor.
Com esta cirurgia que foi um sucesso e depois da excelente recuperação, ela voltará para junto da família, após 3 dias da cirurgia.
A equipa que realizou a cirurgia falou que removem mais de quatrocentos tumores anualmente, e que muitas das vezes os pacientes estão cientes das cirurgias, mas está teria sido a 1ª vez que uma paciente tocava enquanto a cirurgia decorria.
Comentou um dos neurocirurgião Keyoumars Ashkan que realizou esta cirurgia tão complexa. Confira o vídeo aqui:
https://youtu.be/dAmLQfwhjq0