Mãe de menino autista recebe mensagem negando convite para festa: “Ele é problemático”

Na última semana, a mãe de um menino autista chamado Arthur, de apenas dois anos de idade, passou por uma situação bastante complicada e delicada em sua vida. Algo que acontece com muita frequência com mães de crianças especiais.

Sara Onori, recebeu uma mensagem em seu WhatsApp da mãe de um colega de escola de seu filho Arthur. Na mensagem em questão, a mulher comunicava a Sara que não iria convidar o seu filho para a festa de aniversário da criança em questão.




O motivo apresentado para a mulher para que a criança não fosse convidada no entanto, foi por que ele era “meio problemático”. Vale ressaltar que a criança que não foi convidada para a festa, possui autismo.

Justificando que a criança não seria convidada para a festa pois ele era problemático, a mulher ainda completou dizendo na mensagem que o motivo pela qual não iria o convidar também era pelo fato de que ele poderia incomodar as outras crianças por isso.




Ao finalizar a mensagem onde nega o convite para que Arthur vá a festa do colega de escola, a mulher ainda pede para que a mãe do menino de dois anos de idade entenda a situação que ela expos.

A mãe de Arthur, fazia parte de um grupo no WhatsApp com outras mães. Ela acabou percebendo que as mulheres comentavam no grupo a respeito de uma festa, e resolveu questionar  a respeito.

Após questionar a respeito do que seria a festa em questão que elas estavam comentando, Sara recebeu uma mensagem de uma das mães presentes no grupo que a informou a respeito da festa, e foi quando ela falou que não iria convidar a criança para o evento.

Ao receber a respostada mãe com a negativa para a festa, Sara ficou tão surpresa que sequer conseguiu responder para ela. Segundo foi relatado pela própria Sara, as duas eram amigas, e não apenas mãe de um coleguinha de escola dos filhos.

Depois de receber a mensagem, Sara pensou muito em responde no mesmo momento, mas acabou não respondendo pois havia ficado muito surpresa com a situação. Quando ela decidiu responder a mensagem, percebe que a mulher havia lhe bloqueado em todas as redes sociais.

Em uma postagem em um rede social, a mãe desabafou a respeito do caso e relatou que o seu filho não é problemático, que ele é autista. Ela conta ainda que em sua família eles tem o princípio de sempre respeitar ao próximo. Ela finalizou dizendo que a apesar da deficiência do filho, isso não o torna inferior a ninguém.

 

Via: paisefilhos.uol.com.br

Comentários

0 Comentários